terça-feira, 4 de outubro de 2011

O primeiro Picasso! :-)


Não resisto a dizer (mais uma vez!) que a evolução das crianças nesta idade é absolutamente fascinante.

No início deste ano a minha piolha ainda nem conseguia pintar. Ela até tentava mas o resultado resumia-se a um monte de riscos em cima das imagens. Num instante perdia a paciência e riscava tudo. Eu dizia-lhe para tentar pintar sem sair dos contornos dos desenhos mas aquilo era algo muito complicado! Ela tentava e ficava triste porque a sua mãozinha não conseguia pintar lentamente e pormenorizadamente. O resultado eram folhas cheias de riscos por todo o lado! Eu olhava para aquilo e pensava para com os meus botões "bem, por este andar nem aos 5 anos consegue pintar um simples quadrado!!!"

Mas eu estava enganada!!

Em Junho, quando foi para a sala dos grandes, trazia todos os dias uns desenhos para me mostrar. Assim que eu chegava à escola lá vinha ela ter comigo todo orgulhosa e desejosa de me mostrar as suas pinturas. Eu dizia sempre que estavam lindas (apesar de tudo não passar de um monte de riscos em cima de imagens!).

Mas cabe a uma mãe dar força a um filho. Uma mãe que se prese deve ser a primeira a dar força, motivação e coragem porque a vida não é fácil e os seres humanos são muito cruéis para os seus semelhantes. E eu costumo dizer que faço os possíveis para que a minha filha tenha uma auto-estima à prova de bala.

Ela ficava muito contente por saber que a mamã tinha adorado os seus desenhos mas quase todos os dias comentava entristecida que os colegas mais velhos tinham gozado com ela porque ainda não sabia pintar como eles. Então é nestas alturas que a mamã lhe dá umas "injeções" de auto estima. Eu virava-me para ela e dizia: Primeiro, eu adorei e é isso que importa! Quando os teus colegas disserem que os teus desenhos são feios vira-te para eles e diz-lhes que a tua mamã e o teu papá ADORAM os teus trabalhos. Em segundo lugar tu estás a crescer, ou seja, quando eras bebé não sabias andar nem falar e agora já sabes, não é? Um dia também vais conseguir pintar tão bem ou melhor que os teus colegas mais velhos. Eles quando entraram para a sala dos grandes também não sabiam e agora já sabem. Mas eles também estão a crescer e ainda têm muitas outras coisas para aprender."

E ela assimila as minhas palavras de uma forma surpreendente. Ela é apenas uma criança, uma menina de 3 anos mas já mostra ser dona de uma personalidade bastante forte e decidida. É muito senhora das suas vontades (por vezes até demais!!) e já começa a perceber que a opinião dos outros é relativa e que a maior parte das vezes não interessa mesmo nada. Cada um sabe da sua vida e o resto é conversa. Na vida temos que seguir as nossas convicções e não podemos ir abaixo com os comentários de terceiros. Temos que construir um escudo protector em torno de nós mesmos, caso contrário seremos sempre vítimas deste mundo e desta sociedade fútil, mesquinha, invejosa e destrutiva.

Se não sabemos aprendemos, se fazemos mal vamos fazer os possíveis para fazermos bem e melhor que todos os outros! Não estou a dizer que sejamos uns egocentricos insuportáveis (isso também não!) mas uma boa dose de amor próprio não faz mesmo mal a ninguém. Devemos gostar muito de nós mesmos e estimar o nosso próprio EU.

Mas isto tudo para dizer que com o passar dos dias a minha piolha foi aperfeiçoando a sua veia artistica e actualmente já sabe pintar direitinho e certinho dentro dos contornos! Até já consegue pintar as figuras mais pequenas como por exemplo os olhos e a boca dos bonecos. Ainda tem a tendência de pintar tudo da mesma cor, ou seja, se tiver uma boneca para colorir agarra sempre no cor de rosa e é de cor de rosa que pinta o cabelo, a roupa, os sapatos e quase tudo! mas tudo dentro dos respectivos contornos :-))

Mas aos poucos já vai variando de cor (é doida pelo cor de rosa!!)apesar de ainda não pintar de acordo com a realidade, ou seja, pode pintar o Sol de verde e as vacas de cor de laranja!!! mas tudo tem o seu tempo e o primeiro passo já está dado! tudo pintado dentros dos contornos ;-))

E já começa também a desenhar, apesar da originalidade ser ainda bastante reduzida!! Desenha quase sempre o papá, a mamã e a Rafaela :-) Tão querida :-) E nós ficamos todos babados! os desenhos andam sempre em torno do núcleo familiar... ou desenha um fantasma mãe e um fantasma filho, sempre tudo na base de mãe/filho.

E no outro dia desenhou um sapo a andar de mota, a deitar veneno dos olhos e com uma pistola na mão para matar as formigas que iam roubar a comida!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! é claro que eu só percebi a complexidade do desenho quando ela me explicou entusiasmada! porque aquilo não passava de um monte de riscos impossíveis de decifrar :-)))

Mas a cereja no topo do bolo chegou em Agosto. Um dia quando a fui buscar à escola lá veio ela com mais uma pintura na mão. Mas esta era diferente de todas as outras, não era apenas um monte de riscos! Esta era uma verdadeira obra prima :-) Com pincel e tintas de várias cores desenhou o papá, a mamã e a Rafaela.

ADOREI! Coloquei-o em exposição no seu quartinho e recentemente optei por comprar uma moldura para não se danificar :-) Uma moldura cor de rosa (pois claro!) para rimar na perfeição com toda a decoração.

E agora ali está aquele belo retrato de família, desenhado por aquelas mãos doces e pequeninas, pendurado no lugar de honra do quarto da princesa :-)