segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Pensamentos de segunda feira...

A Boneca acordou muito bem disposta. Só isso é meio caminho andado para começarmos a semana com outra disposição ;-)


SIM, porque quem tem filhos sabe como é! quando acordam mal dispostos conseguem tirar a paciência a um santo com as birras e choradeiras matinais...buff... quando estão viradas do avesso conseguem dar com uma pessoa em doida num piscar de olhos :-/

Mas a madame Rafaela acordou sorridente, sem caras de segunda feira e cheia de vontade de vestir o seu fato novo.

"Mamã, é hoje que é carnaval?????"

"Não, ainda faltam um dias!"

"É amanhã?"

"Não, ainda faltam uns dias. Ainda falta um bocadinho :-)"

Dizer-lhe que faltam uns dias é o mesmo que falar chinês porque aquela cabeça de 4 anos ainda não tem a mínima noção do tempo. Hoje, agora, amanhã, para a semana, daqui a uns dias, para o ano... tudo isto é uma baralhação! 

Mas ela que se mantenha assim porque quando uma pessoa começa a ter noção do tempo começa a perceber que ele foge de nós a sete pés :-(

Ainda hoje me perguntou se amanhã é Natal!!!! Aliás, já anda a fazer a lista para o próximo Natal! Quando vê uma coisa que gosta vira-se para mim e diz "Vou pedir isto ao Pai Natal. Ainda falta muito para ele chegar?? E para os meus anos??"

Ela quer é festas, brincadeira e prendas!!!! Adora a folia do mês de Dezembro, pois claro ;-)

É assim o universo de uma criança. A inocência, a falta de noção de tudo e mais alguma coisa, a alegria com que encaram a vida, a felicidade que emana dos seus rostos pelas coisas mais simples da vida, tudo isto faz delas seres únicos e maravilhosos.

É uma pena que a sociedade e a vida transformem radicalmente os seres humanos. As pessoas tornam-se  cinzentas, murchas, passam a vida a fazer o que não gostam, deixam de ter tempo para aquilo que lhes dá realmente prazer, vivem em função do relógio e das obrigações. Chegam ao final do dia mortas de cansaço, não porque passaram o dia a brincar ou a divertir-se, mas porque passaram o dia a aturar gente chata, responsabilidades, problemas, transito... vivem em função do final da semana que lhes trás a tão desejada sexta feira e o doce sabor de alguns momentos de lazer. Mas como dizia uma amiga minha, o fim de semana são apenas 48 horas. E a somar temos esta crise e o desemprego que não pára de crescer... tudo isto me preocupa bastante...

Ter a nossa independência é excelente mas o preço é elevado. Deixamos de ser crianças e passamos a ser adultos. É assim. É a vida. É o longo e por vezes doloroso processo de crescimento e amadurecimento.

Felizmente, quem tem filhos, consegue recuar no tempo, consegue voltar a sorrir com uma simples formiga que anda por ali de volta de uma migalha. Consegue passar a dar importância ao que realmente é importante. Consegue beber neles uma força e uma alegria que nos faz acordar de manhã com a sensação de que estamos aqui por alguma razão. Os filhos são uma luz na vida de um adulto.

Por tudo isto, é que eu digo à minha Boneca que não tenha pressa de crescer porque ser pequenina é mesmo muito bom! 

1 comentário: