sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Puzzles, os desprezados!


Se a bonecada faz as delícias da minha princesa, o mesmo já não se pode dizer dos puzzles!!!!

Depois do boom de Dezembro, ou seja, depois do Natal e do aniversário, a quantidade de bonecos duplica consideravelmente. E lá vou eu arranjar novas soluções de arrumação para o quartinho cor de rosa. Acho que devia ganhar a vida a sugerir formas de arrumação pois faço verdadeiros milagres!! Arrumar e organizar é comigo ;-)

Este ano adorou tudo aquilo que recebeu mas dos puzzles só quer distância! Estes dois continuam intactos dentro do móvel!! "Vamos fazer um puzzle Rafaela?? Vamos ensinar à Barbie como se faz um puzzle? Tu és a professora e explicas-lhe, pode ser?". Enfim, eu tento todo o tipo de técnicas e lenga lengas mas ela odeia e pronto!

"Os puzzles são muito chatos mamã, eu não tenho pachienchia!!". E nada feito. 

Mas este desprezo não é recente. Ela nunca gostou de puzzles ou de qualquer tipo de jogo que implique encaixar peças. Detesta mesmo!

"Vá, vamos lá ver onde fica a casinha da estrela? e a do quadrado?" Ohh eu sou o quadrado, tenho muito frio, quero ir para a minha casa!, digo-lhe eu divertida para ver se a motivo a encaixar a peça no sítio certo. Mas no fim acabo sempre por me zangar! Ali está ela com uma má vontade desgraçada a olhar para tudo aquilo como um burro para um palácio. Mexe-se, dá voltas e mais voltas e tenta enfiar à bruta a estrela no lugar do quadrado ou o triângulo no lugar do circulo. Bufff!!! Eu fico doida!

Ela sabe perfeitamente fazer tudo aquilo como deve ser mas não gosta e faz os possíveis para acabar num instante com a brincadeira e com a minha paciência também!

Enfim, não se pode gostar de tudo, pois claro. Talvez eu seja demasiado exigente com ela mas também tenho que a incentivar a fazer as coisas que menos lhe agradam. Na escola a educadora também estimula as crianças nesse sentido porque a paciência e a concentração também se treinam! Pois, porque quando forem para a primária não se podem dar ao luxo de fazer só aquilo que gostam!


E é assim, educar, formar e ensinar um ser humano é uma longa e estimulante tarefa ;-)

1 comentário:

  1. Ai o meu piolho AMA puzzles!
    Já faz de quase 100 peças!
    Cada um com os seus gostos, pois claro! :)
    Bom fds!

    ResponderEliminar