Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe.

Sab | 31.03.12

O papá e o amigo esquilo :-)

Paula Veiga Claro
E ontem era meia noite quando a piolha sossegou tal foi a euforia de ver o papá chegar a casa :-)

Lá vinha ele estoirado, saturado, mas muito feliz por estar de novo junto das suas pintainhas. A Rafaela ficou em êxtase! Pulou, saltou, mostrou-lhe as novidades dos últimos três dias e falou, falou, falou.... fez trezentas mil perguntas e saltitou à volta da bagagem em busca da tão desejada prenda. Vá de beijos, vá de abraços, uma loucura :-)

Tcham tcham tcham!! Na bagagem vinha um casaco cor de rosa da GAP e um esquilo de peluche. O casaco já não era novidade porque ela tem um igual em lilás que o papá trouxe de Londres o ano passado, mas está a ficar apertado, por isso, pedi-lhe que, caso tivesse oportunidade de por o nariz fora da sala de reuniões, comprasse um igual mas dois tamanhos acima para lhe dar para os próximos tempos. Estes casacos de algodão são sempre bem vindos, dão um jeitão.

O amigo esquilo é que foi uma perdição! Tem passado o dia agarrada a ele e hoje de manhã até teve direito a um passeio de trotinete em Belém. O tempo estava com cara feia mas felizmente aguentou-se sem chuvar para a piolha poder correr à vontade. SIM, porque a minha filha é como aqueles cães que precisam de ir para a rua correr até ficarem de língua de fora!!!! É a única maneira de exorcizar a energia estonteante que tem naquele corpinho... buff... é uma coisa diabólica.

E foram as prendas porque a vida não está para devaneios consumistas, muito menos em Paris onde é tudo caríssimo. É muito bonito e tal mas não é o sítio ideal para o comum dos mortais andar às compras. 

E eu estou feliz por estarmos de novo os três. Nada como ter os meus amores aqui ao pé de mim. Três é o número perfeito!

Aqui ficam as fotos do amigo esquilo. Tem uns guizos lá dentro (na cauda) e é um querido. Mais um boneco para o país dos brinquedos :-)



Sex | 30.03.12

Pérolas. E o papá?

Paula Veiga Claro
O papá chega esta noite. Só espero que a chuva não dê lugar a uma trovoada ou a algo do género para eu não ficar a olhar para o céu com o coração do tamanho de uma ervilha. Pois, porque da última vez que ele saiu do país em trabalho, fez um temporal tão, mas tão grande que eu ia tendo uma coisinha má. Tive que fazer das tripas coração para me controlar, para não passar os meus receios à minha filha. Estávamos as duas aqui em casa, à janela, a olhar para a trovoada monstruosa enquanto o papá andava lá no alto, algures num avião. Quando o homem me chegou a casa eu nem queria acreditar! Bolas... que stress... sou uma tonta... mas sou assim.

E hoje aqui andamos as duas em contagem decrescente para o ver entrar por aquela porta! E ela, com o seu espírito materialista, próprio de uma criança de 4 anos, está farta de me perguntar "o que é que será que o papá me vai trazer de Paris?? Eu não quero roupa porque já tenho muita, eu gostava muito que ele me trouxesse um brinquedo"

"Ahhh tens muita roupa, e não tens muitos brinquedos??? tens montes de tralha no teu quarto!"

"Ohhh mamã, mas tu sabes que eu gosto muito de brinaquedos, sou uma criança e as crianças gostam de brinquedos".

Toma, tenho que engolir em seco perante esta resposta...

E depois pergunta ainda "E tu achas que em Paris há brinquedos? Há muitas lojas?"

"Ohhhh filha, se há! Em Paris há de tudo um pouco! Mas o importante é o papá chegar bem, não é? O papá é muito mais importante que qualquer brinquedo, não é? As pessoas são muito mais importantes que as coisas, compreendes? Brinquedos há muitos mas as pessoas são únicas, percebes?"

Ela compreende mas de uma forma muito relativa. Eu é que faço questão de lhe repetir isto várias vezes para que ela vá interiorizando que nós pessoas é que somos importantes, os bens materias são apenas coisas que completam a nossa felicidade de uma maneira muito superficial.

Mas uma criança de 4 anos não tem esta perceção como é óbvio.

Eu só quero que o meu querido maridão chegue bem a casa. Já lhe disse que para mim escusa de gastar dinheiro seja no que for porque a vida não está para devaneios e eu não preciso de mais tralha, malas e pulseiras. 

Mas isto sou eu... com 36 anos a pessoa já tem uma visão da vida completamente diferente... eu pelo menos tenho.
Sex | 30.03.12

O amigo Pega-Monstros

Paula Veiga Claro
E aqui anda a minha Boneca toda satisfeita com o amigo Pega-Monstros que trouxe ontem da festa do primo Tiago. Quem não se lembra destes bicharocos pegajosos que se colam a tudo?! :-)))

Está farta de falar com ele e, apesar de sexta feira ser dia de brinquedos, não o quis levar para a escola porque "os meninos podem puxar e depois estragam o meu querido pega monstros". Preferiu levar a peixinha Dori e o leãozinho Jubas dentro da sua malinha impermeável "para ficarem quentinhos e protegidos da chuva mamã!".

Estou para ver a choradeira quando ela perceber que o amigo Pega-Monstros tem uma esperança média de vida muito curta. Já lhe disse que aquilo dura pouco tempo mas ela acredita que, nas suas mãos delicadas, vai durar para sempre.... e até já se zangou comigo porque eu lhe disse que quando era pequena deitava os meus para o lixo porque se partiam e ficavam muuuuuito nojentos. Eu adorava brincar com aquilo! eh eh eh

"Eu nunca vou deitar o meu para o lixo, está bem mamã?! Mesmo que ele fique estragado vou ficar com ele para sempre! ele gosta muito de viver aqui no país dos brinquedos". O país dos brinquedos é o nome que ela dá ao seu quartinho cor de rosa atafulhado de bonecada :-)

Mas o amigo Pega-Monstros tem sido tratado como um príncipe e até já teve direito a uma banhoca porque estava a ficar sujo... mas temo que, mesmo com tanto cuidado, o monstrinho não passe de hoje...



Sex | 30.03.12

Ehhhhhh lá!!!!!!!!

Paula Veiga Claro
E eu a pensar que a declaração amigável se ia extraviar pelos correios!
E eu a pensar que era melhor embrenhar-me no transito caótico a caminho de Sete Rios para entregar a declaração em mão!

PALERMA! bendita a hora em que a minha consciência me alertou para enviar a dita cuja pelos CTT.

Enviei ontem e HOJE (agora mesmo! são 11h40), acabei de receber um sms da seguradora a dizer que o processo de sinistro com o número X já está aberto e que é favor entrar em contacto para marcar a peritagem. 

É já agora meus senhores! Isto é o que eu chamo de eficiência, assim sim ;-)
Sex | 30.03.12

Manhã de chuva

Paula Veiga Claro
Só mesmo uma criança para nos fazer sorrir debaixo de uma chuvada!! Foi assim hoje de manhã quando saímos as duas de casa debaixo do meu chapéu de chuva. O que ela gosta de chapéus de chuva! o que ela gosta de pisar as poças de água!! As crianças são o melhor do mundo, são mesmo.

Mas, apesar da escola ser mesmo aqui ao pé, hoje optei por ir de carro porque com esta chuvada e com todo aquele delírio iríamos levar uma eternidade a percorrer meia dúzia de metros e chegaríamos ensopadinhas ao destino, pois claro!

Mas são imagens deliciosas, sem dúvida. A piolha feliz da vida, com a sua malinha debaixo do braço e com aquele sorriso delicioso ao meu lado, as duas debaixo do mesmo chapéu! eu toda encolhida para ficar da altura dela para que a madame pequenina não se molhasse. E ela ria, ria :-))

Lá fomos as duas até ao carro debaixo do mesmo chapéu porque se ela tivesse levado o dela a diversão seria ainda maior! a diversão e a molha porque chovia a potes, se chovia :-)

Bem, mas já agora que chova tudo hoje porque amanhã a malta quer passear por esses parques e jardins fora, o.k? estamos combinados Sr. S. Pedro? pleaaaaaaase!!!!!!!!
Sex | 30.03.12

Só para lembrar ;-)

Paula Veiga Claro
E por falar nas Doçuras da Patty, aqui ficam duas sugestões maravilhosas para a Páscoa.

O Bolo Coelhinho da Páscoa (bolo de cenoura) e os deliciosos doces regionais algarvios feitos com amêndoas do nosso Algarve.

Isto é mesmo para fazer água na boca, pois é!! e para relembrar que depois da Páscoa vamos ter, conforme prometido, um passatempo com a Doçuras da Patty aqui no meu cantinho cor de rosa ;-)




Sex | 30.03.12

E foi um bom dia

Paula Veiga Claro
Hoje foi definitivamente um bom dia. FELIZMENTE!!! porque já bastou a pilha de nervos que apanhei ontem. De manhã enviei a maldita declaração amigável para a seguradora e em seguida desliguei o cérebro. Ainda me passou pela cabeça ir pessoalmente entregar a papelada mas depois pensei "Mas tu estás doida Paulinha?? vais-te enfiar no transito caótico de Sete Rios para entregares os papeis em mão?? vais perder a tua manhã enfiada no transito e no meio daquela balburdia? queres cair para o lado mulher? queres ter um colapso nervoso? deixa mas é de ser tonta e envie o raio da declaração pelos CTT!!"

E assim foi, a minha consciência falou mais alto e eu fiz o que ela mandou. Só espero que o raio da declaração não se extravie algures... mas enviei em correio registado e ainda tirei duas fotocópias just in case... opá, que se lixe, a sério! Prometi que ia ter um dia sossegado para descansar e para por os neurónios no lugar e assim foi. Tenho que pensar em mim porque isto de esticar a corda não é bom! todos temos os nossos limites e cada um de nós deve saber quando deve parar. Temos que ouvir o que o nosso corpo e a nossa cabeça nos dizem sob pena de cairmos para o lado com um ataque de nervos. Sou uma perfecionista dos diabos mas tenho que ser um bocado mais "deixa andar", caso contrário não chego aos 100 anos como tanto gostaria. Mas hoje foi um dia simpático. À tarde fomos cantar os parabéns ao primo Tiago e por lá ficámos no belo lanche ajantarado em que até o Sporting brindou o aniversariante com uma vitória. Pelo menos ganharam porque jogos de futebol em dia de anos é coisa que não combina! pois... eu detesto futebol... não posso com aquilo. A Rafaela encheu a barriga de brincadeira e comidinha saborosa e às 22h30, depois da chamar quinhentas vezes, lá resolveu começar a despedir-se do pessoal para virmos embora. E foi uma bela tarde, foi sim senhora. Uma tarde de convívio que me soube muito bem. Só faltou o papá... mas está quase, amanhã pela noitinha já cá o temos. O bolo de aniversário era da Doçuras da Patty e estava lindo e delicioso ;-)



E estes simpáticos chupa chupas? Também são da Doçuras da Patty e fizeram as delicias dos mais pequenos. A Rafaela ficou muito indecisa entre a borboleta e o coração branquinho. Queria ficar com os dois mas aqui a mamã só a autorizou a comer um. Não se pode ter mais olhos que barriga! Se uma pessoa não põe travão as crianças encharcam-se em açúcar. Não me importo de ser a má e a chata da fita mas tem que ser! Pode-se comer de tudo mas com moderação, nada de disparates. E essa história de que é dia de festa para mim não serve porque é rara a semana em que a piolha não tem festas de aniversário. Ahhh pois... familiares, amigos, colegas, vizinhos.... eu sei lá! só sei que nunca fui a tantas festas na vida!... e depois de muito pensar lá optou pelo coração :-)



Qui | 29.03.12

Ohhhhhh!!!

Paula Veiga Claro
Hoje chegou ao fim o frasquinho de perfume da Klorane. Tenho a dizer que tem um cheiro absolutamente delicioso, o típico cheiro a bebé que nós mães tanto apreciamos. Não é que as crianças precisem de perfume porque as suas peles macias emanam, por si só, aquele cheiro fofinho tão característico, mas adoro perfumar as roupinhas da minha princesa. Se gosto! memmmm dá vontade de a engolir com beijinhos ;-) 



Pág. 1/10