terça-feira, 24 de abril de 2012

De mãe para filha

É verdade que o quarto da Rafaela, ou melhor, o país dos brinquedos como ela lhe chama (!!!) está com excesso de população mas também é verdade que me dá uma alegria extraordinária vê-la brincar com bonecas que já foram minhas. Eu sempre fui muito estimada e todos os meus brinquedos ficaram novos e prontos a ser herdados pela pequena cria.

É uma sensação maravilhosa... parece que viajo no tempo... parece que me estou a ver quando era pequena... é uma forma de partilhar com ela um pouco da minha maravilhosa infância. E fico completamente babada ao ver o cuidado com que ela brinca com as coisinhas que foram minhas.

Na Páscoa, quando fomos ao Alentejo, trouxemos mais dois sacos cheios de relíquias. Cada  uma destas bonecas tem uma história na minha cabeça. As minhas barriguitas, as minhas bonecas fofas!

Hoje ando aqui a por ordem no país dos brinquedos e não resisti a fotografar estas preciosidades! nunca as minhas bonecas pensaram ser fotografadas para um blog (nem eu!) eh eh eh!! isto é muito à frente! BEM-VINDAS minhas lindas ao louco mundo das tecnologias 



3 comentários:

  1. As barriguitas, minha rica infância. Também tive um careca desses pequeninos mas já era! pouca coisa passou de mim para a minha filha. Eu era muito estragadona e hoje bateu a saudade ao ler este post. Que relíquias! Alice Pinheiro Dias

    ResponderEliminar
  2. Olha a chinesinha! As barriguitas são um clássico. Eu fazia colecção e tenho-as guardadas religiosamente.

    ResponderEliminar
  3. São lindas estas barriguitas.Recordo-as com muito amor.

    ResponderEliminar