terça-feira, 24 de abril de 2012

Estou??? é a Rafaela!

Ontem a minha Boneca chegou radiante da festa de aniversário da amiga Rintinha. Falou, falou, falou... adorou o palhaço Banana e os seus truques de magia, os balões gigantes e DELIROU com a pequena lembrança que a amiga ofereceu às meninas que foram à festa. Um telemóvel da Hannah Montana!

Se vocês vissem a cara de deslumbramento da minha piolha ao abrir a caixinha! Quando viu o telemóvel exclamou "Uauuu é um telemóvel de verdade mamã??" e em seguida começou a mexer em todos aqueles botões que fazem uma barulheira desgraçada. 

E assim ficou a conhecer a Hannah Montana que ainda não fazia parte do seu universo. A amiga Ritinha é fã e tratou de pegar a moda às restantes amigas numa festa em que a Hannah foi a inspiração. Até o bolo era da menina bonita e ingénua que agora está uma mulher deslumbrante (se está!).

E foi assim. Foi agarrada ao telemóvel que a minha Boneca adormeceu ontem à noite. A minha filha adormece a falar, é uma coisa estranhissíma mas é assim. À noite, após o habitual ritual de mimos, ali fica ela deitada na cama com um ou mais brinquedos (todas as noites escolhe um brinquedo diferente) e em seguida, até adormecer, rebola-se na cama e fala, fala, fala e canta... parece mentira, mas é a mais pura verdade!!! 

E ontem com o telemóvel foi uma conversa sem fim! Eu e o pai estávamos na sala mas não conseguíamos parar de rir porque ouvíamos a nossa pequena matraca deitada na cama a falar e a mandar mensagens às amigas e a carregar em todos aqueles botões barulhentos... "Agora vou dormir, mas antes tenho que mandar uma mensagem... e agora vou tirar fotos para o blog da mamã... e agora não me incomodem... estou? avô Paulo, é a Rafaela!".... e foi assim durante quase meia hora.

Como é que é possível ela deixar-se dormir desta maneira?... e a verdade é que adormece neste reboliço mas em seguida dorme toda a noite como uma pedra (não me posso queixar porque ela come e dorme que é uma maravilha!). Mas é o que eu digo, a voz da minha pequena matraca só se deixa de ouvir quando está a dormir ou quando está a fazer algum disparate e a mamã fica logo de antenas no ar porque já sabe que a seguir ao silêncio vem asneira.

Quando eu e o papá nos fomos deitar, resolvi tirar o telemóvel  daquelas mãozinhas pequeninas, não fosse ela magoar-se durante a noite ou tocar sem querer numa daquelas teclas barulhentas e acordar de madrugada com aquele chinfrim (credo!!!!).... mas assim que sentiu mexer no telemóvel rosnou a dormir "mehhhhhhh ninguém me tira o telemóvel".

Eu e o papá tivemos que sair do quarto para rir até às lágrimas e não a acordar! parecia um cão agarrado a um osso :-)




2 comentários: