segunda-feira, 27 de maio de 2013

O fim de semana começou muito mal...

Depois de uma sexta feira festiva, eis que o fim de semana começa da pior forma, tudo por causa da bichinha de conta Clarinha. No sábado acordámos por volta das 10h00 (felizmente já lá vão os tempos de bebé em que a Rafaela acordava entre as 7h00 e 8h00 da manhã) e qual não foi o nosso espanto quando os gritos e o choro da nossa pequena cria ecoaram por toda a casa (talvez até ao último andar!). Assim que abriu os olhos foi ver se a sua Clarinha estava bem.... mas não estava. Na sexta feira (antes do passeio romântico a três) arranjámos-lhe uma suite presidencial cheia de terra e ervinhas para que nada lhe faltasse neste hotel da bicharada. E não é que a Rafaela olhou, revolveu a terra e NADA! "Mamã, anda cá depressa! a minha Clarinha desapareceu! ohhhh e agora? mas como é que ela conseguiu subir as paredes escorregadias da caixinha? e agora? anda aqui perdida pela casa e ainda a pisamos!".

E lá fui eu revolver a caixa para ver se encontrava a bichinha escondida debaixo de alguma pedra. Achei estranho pois nenhum bicho de conta tem conseguido trepar pelas paredes daquela caixa mas depois de muito procurar tive que admitir que a bichinha tinha sumido. Foi a desgraça! chorou baba e ranho num desgosto de meter dó e ainda foi para a aula de natação com os olhos inchados e vermelhos de tanto chorar. Mal chegou à piscina contou o drama ao professor e a toda a gente com que se cruzava. "A minha Clarinha era a coisinha mais querida quando subia pelos meus pezinhos e me fazia cócegas com as patinhas! e agora fugiu! e vai ser esmagada! e vai morrer de fome!".... 

Enfim, ia-me enlouquecendo e juro que amaldiçoei a Clarinha por me estar a dar cabo do fim de semana!.... mas eis que no domingo de manhã a ouço novamente aos gritos: "Mamã, papá! venham cá depressa! afinal a Clarinha não fugiu! está aqui na caixinha! ohhhhhhh e eu que chorei tanto! sua marota, isso não se faz! fiquei mesmo triste!"

Em suma. A bichinha nunca chegou a fugir. Esteve sempre ali, nós é que não a víamos!
Entretanto, já deixou o hotel e regressou à natureza (porque, se bem se lembram, tinha comprado apenas um bilhete de 3 dias!).

Um regresso ventoso porque esta primavera está um horror e não há meio do vento amainar aqui para as nossas zonas. Para já não falar nas temperaturas desagradáveis... se há quem ande com calores, nós por aqui ainda nem tirámos as camisolas interiores e este fim de semana aproveitei o passeio para dar um saltinho à Prénatal onde comprei mais dois packs de manga curta para a Rafaela. Costumo comprar-lhe as de manga comprida no Jumbo (todas em algodão debruadas no decote e com um leve pelo por dentro) e as de manga curta na Prénatal porque o algodão é excelente e adoro o debruado amoroso nas mangas e os lacinhos junto ao decote. São giríssimas e uso-as também como t-shirt no verão, por baixo dos macacos, jardineiras e saias de peito.



Entretanto, estreou no sábado passado às 10h30 no canal Disney Júnior a nova série de animação "Henry, o Monstro Feliz", que segue as aventuras de uma família de monstros super fofinhos e divertidos. O Henry tem cinco anos e fala diretamente para os pequenos telespetadores, partilhando com eles os seus pensamentos, sentimentos e até mesmo as lições que aprende diariamente, quer sejam salvar as plantas do seu jardim ou mostrar à sua irmã que tem uma bela voz para cantar. Henry e a sua família vivem numa acolhedora cidade onde vivem várias espécies de monstros.

Esta série pretende ser um modelo positivo com lições de vida sobre relações sociais para os mais novos que se estão a autodescobrir tal como a personagem principal. Aprender a trabalhar em equipa, ajudar o próximo, realizar tarefas ou perceber o que significa pertencer a uma família, são alguns exemplos. O monstrinho Henry reflete muitas das emoções sentidas pelas crianças à medida que crescem, juntamente com uma acrescida dose de humor. Para além disso, é uma fofura que apetece esborrachar com beijinhos 


E já que falo de bonecos e já que o Dia da Criança se aproxima aqui fica outra sugestão para mimar as nossas pequenitas. As Bonecas de Papel da Lovelab com as suas roupinhas amorosas ;-)


Mais sugestões para oferecer no Dia da Criança na seleção que publiquei aqui na semana passada


Continua a decorrer o Passatempo Festa da Criança em parceria com a Nestlé/CHOCAPIC. 
Para participar é aqui

1 comentário: