quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Sobre o Halloween

Desculpem-me se sou desmancha prazeres mas já sabem que o Halloween não me diz rigorosamente nada. O ano passado foi assim mas este ano não tem havido grandes alaridos na escola nova. Têm falado do assunto mas sem exageros. 

E é assim que eu me apercebo que já faço parte da "outra geração". Ahhh pois, no meu tempo não havia nada disto! No meu tempo... no meu tempo.... Bolas! Isto dito assim soa pavoroso, mas é verdade! Agora anda tudo doido com as bruxas e os meus netos já terão uma mãe do tempo do Halloween... e uma avó antiquada que não acha piada nenhuma à coisa :-))

Os portugueses são exímios em importar... e peritos em desvalorizar a cultura tão rica que têm. Para mim é isto e está tudo dito. 


4 comentários:

  1. Eu também!!!
    Aliás, este dia é o nosso aniversário de casamento, por isso, não há espaço para outras comemorações!
    Contudo, tenho 3 filhos e não me posso esquecer do Halloween... :)

    ResponderEliminar
  2. Faz-me um pouco de confusão as pessoas misturarem as coisas...Tu não, mas muita gente diz que o halloween veio substituir o pão-por-Deus...como???Oi???A unica coisa em comum é serem um dia depois do outro...se o pão por Deus fosse na primavera (como era inicialmente)ninguém falava disso. Pessoalmente como me considero uma cidadã do Mundo e adoro o mundo celta e o Reino Unido, festejo o halloween e o Pão por Deus...mas nao percebo como é que uma tradição consome a outra já que têm origens tão diferentes....Há lugar para tudo!Antes isso, acho eu ;) Beijinhos doces

    ResponderEliminar
  3. Como eu a compreendo. Imagine o que é fazer anos neste dia que de repente passou a ser o dia das bruxas. Esta coisa não tem nada a ver com as nossas tradições e pessoalmente faço questão de não aderir. Felizmente passei a residir desde há 9 anos numa freguesia do concelho de Alenquer onde as crianças ainda pedem o pão por Deus no dia de todos os Santos e essa é uma das tradições que vale a pena manter.

    ResponderEliminar
  4. Penso que a tradição está a mudar. E com isto de anularem o feriado é pior ainda. Acredito perfeitamente que, tendo os miúdos aulas no dia 1, passem a aderir em força ao costume de festejar na noite de 31 de Out.

    ResponderEliminar