Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Dia 26: O aniversário da Rafaela

31.12.13 | Paula Veiga Claro
É com chave de ouro que encerro 2013 e escrevo o último post deste ano! Grata por tudo o que a vida me tem dado e com esperança que o novo ano continue a brindar-me com o melhor da vida: saúde e muito amor para mim e para os meus pois com estes ingredientes tenho força para levar a vida para a frente e acordar todos os dias com vontade de fazer mais e melhor em prol dos meus sonhos e daqueles que mais amo. A minha alma alimenta-se de emoções, vivo cada segundo com intensidade e é assim que desejo continuar. Apreciar o que a vida tem de bom, seguir o meu coração sem me preocupar com o que os outros possam pensar de mim. Cada um sabe da sua vida e só assim se atinge a verdadeira felicidade. Ser feliz e proporcionar felicidade a quem me rodeia é a linha condutora da minha existência.

Por isso mesmo, é com as fotos do sexto aniversário da Rafaela que me despeço deste ano. É a cereja no topo do bolo! Todos os dias me sinto grata por ser mãe deste ser maravilhoso. Nunca pensei amar assim alguém. Um amor arrebatador que cresce todos os dias mais e mais. Já nem me lembro do que era a mimha vida sem ela! Onde é que eu estava antes dela nascer? Como era a minha vida? Era excelente mas agora é infinitamente melhor! A ela devo-lhe o blog e a Angel Luzinha Fotografia. É graças a ela que tudo isto existe. Foi a forma que encontrei de materializar este amor que não cabe dentro de mim. Tenho que o partilhar com o mundo e gritar aos céus o quanto a amo e me faz feliz!

E no dia 26 até o Sol brilhou para a bicharoca fofinha sem chuva pelo meio. O tempo suficiente para conseguir tirar umas fotos outdoor como eu tanto gosto. Tudo a correr porque o frio era de rachar e a seguir tivemos que colocar de novo os casacos, as luvas e os tapa orelhas sob pena de congelarmos em prol de umas fotos com estilo! :-))))

Mas valeu a pena, porque agora vão directamente para os meus álbuns de aniversário onde recordo cada ano com o entusiasmo de qualquer mãe babada. Um dia de aniversário com direito a um lanche muito simples no aconchego da família. A grande festa será no próximo fim de semana onde já será possível reunir toda a gente (família, amigos e colegas de escola) após estes dias de festa onde cada um anda para seu lado nos afazeres do Natal e passagem de ano.

E que 2014 sorria também para as minhas adoradas leitoras! Não permitam que ninguém vos roube o sorriso e nunca deixem de acreditar e lutar por aquilo que sonham. Só assim se consegue ser realmente feliz. Sejam vocês, sejam únicas, sejam felizes 















Rafaela: Camisa Os Patinhos / Vestido Lanidor / Casaco em lã Benetton

AngelLuzinha Fotografia
Trabalhos realizados no local selecionado pelo cliente ou em estúdio
Fotografo crianças, famílias, moda infantil, eventos e negócios (ateliers, lojas, artigos).
Ver portfólio, serviços, preços e contactos aqui

AngelLuzinha no facebook aqui

Dia 25: O nosso dia de Natal

31.12.13 | Paula Veiga Claro
De manhã acordei com uma vontade enorme de ir para a rua explorar o campo mas constatei que a chuva continuava a dar-lhe forte e feio... para já não falar nos 5 graus que se faziam sentir lá fora acompanhados de um vento altamente gelado. A modos que optei por aterrar no sofá com a pequena cria que contemplava encantada a bonecada que o Sr. Pai Natal lhe tinha trazido na noite anterior.

Ainda não foi desta que foi presenteada com um gato verdadeiro. Tenho pena de não lhe satisfazer esta vontade mas não me consigo imaginar com um gato em carne e osso dentro de casa. Os pêlos fazem-me imensa impressão e o Pai Natal acabou por lhe trazer (mais uma vez!) um daqueles que miam e andam sozinhos para fazer companhia aos outros que já tem. Tem uma paixão por gatos que nem calculam! 




A bailarina do Toys R Us também fez sucesso e teve direito a muitas coreografias e mimos extra ;-)




O Pai Natal foi um querido e nem se esqueceu desta coisa feia! As Monster High continuam em alta e as miúdas não lhes resistem ;-)



Antes de almoço a chuva deu tréguas e eu nem pensei duas vezes! Toca de aproveitar para ir passear antes que o S. Pedro se arrependesse e nos retirasse este Sol que espreitava timidamente entre as nuvens negras.







Bendita a hora em que optei por levar as galochas porque a salta pocinhas não resiste em testar cada poça e as ruas eram um misto de água e lama por todo o lado. Mesmo assim tive que me zangar a sério pois fez o favor de se molhar com tanto chapinhar... acabei por lhe trocar 3 vezes de collants sob pena de congelar... enfim, mãe sofre!


Digam lá o que disserem mas o Inverno até rouba o encanto destes campos maravilhosos. Para mim é a estação pavorosa por excelência. Árvores despidas e fustigadas com tanta ventania, tudo ensopado e um frio de fazer doer os ossos do nariz...





E o Sol foi realmente de pouca dura!!! Depois de almoço desatou a chover e já não parou. Uma chuva brutal, com direito a um valente granizo, que cobriu os campos de branco num fechar de olhos. A Rafaela achou um piadão e enquanto eu tentava fotografar (sem estoirar a lente com as pedras!) ela esgueirou-se porta fora para as sentir com as suas mãozinhas. "Uaúuuu mamã! São mesmo pedras congeladas!! São tão redondinhas!".

Em suma, o ano passado o Dia de Natal  foi assim mas este ano não se conseguia andar pela rua a apreciar a beleza deste sitio maravilhoso. O bicho carpinterio que vive dentro de mim gosta de andar sempre fora e dentro (não consigo estar sossegada muito tempo! A Rafaela tem mesmo a quem sair!)  mas este ano só se estava bem no quentinho da casa ;-) 



Rafaela: Vestido, bolero e camisa, tudo Lanidor / Canadiana Benetton
Tapa orelhas e luvas Accessorize

AngelLuzinha no facebook aqui

A nossa Noite de Natal

30.12.13 | Paula Veiga Claro
Quem tem fotógrafos na família sabe como é chato ter alguém por perto viciado em registar tudo como se o mundo terminasse amanhã. Eu sei que sou chata, eu sei que tenho que me controlar para não passar a vida de Nikon em punho mas não há nada que me dê maior prazer que registar para a posteridade aquilo que mais gosto de ver e sentir. Adoro a sensação de olhar para as fotos e recordar infinitamente cada momento, cada expressão, cada olhar.

O ano passado foi assim mas este ano o mau tempo não me permitiu dar a voltinha da praxe. No dia 24 à tarde, gosto sempre de dar um passeio a pé pela cidade ou pelo campo para ver o que há de novo pelo meu Alentejo. Mas este ano o tempo esteve para lá de pavoroso e nem consegui meter o nariz fora de casa sob pena de ir pelos ares com o temporal medonho. A luz chegou a tremer várias vezes e por momentos ainda pensei que, o mais provável, era passar a Consoada à luz da vela (o que aconteceu em muitos pontos do país!). Felizmente a luz aguentou-se e as velas só serviram para dar aquele ambiente cosy que adoro ;-)

A modos que este ano, pela primeira vez, após a morte dos meus avós paternos, passámos o Natal na casa de campo que os meus pais recuperaram e fizeram questão de manter o mais tradicional e simples possível. Um refúgio familiar, uma casa cheia de recordações e muitas histórias para contar. 

A Rafaela não se aguentava de eufórica! Passou o dia a perguntar se ainda faltava muito para o Pai Natal chegar e preocupada pois temia que ele se queimasse na lareira ao descer a chaminé. Por isso mesmo, para evitar acidentes domésticos, optámos por abrir a porta para facilitar a vida ao velhote das barbas brancas que é mesmo um corajoso!! Ahh pois é! Nem a tempestade o impediu de fazer o seu trabalho como deve ser ;-)



Enquanto o Pai Natal não chegou, a nossa princesa lá se entreteve, a muito custo, com o amigo mocho, a contar moedas (quando for grande quer ser rica e adora ir às moedas do avô escolher as maiores para a sua "fortuna" pessoal mas cheira-me que assim não vai longe!), a petiscar bombons, a servir de modelo para a mamã babada e a subir as escadas cinquenta vezes para ver se o trenó pairava pelos céus...
















Antes de jantar, a euforia misturou-se com o sono e deu lugar a uma grande impaciência. A bicharoca fofinha já não se calava com o Pai Natal e na sua cabeça já só se ouviam renas e guizos! Coisinha mais querida da mamã! Santa e deliciosa inocência!



A impaciência total!!!!! Mas quando é que chega o Pai Natal???? Ainda falta muito??? Será que ele se esqueceu de mim? Eu portei-me bem, não portei? Ele não se vai esquecer de mim, pois não?



E depois de jantar, lá pelas 22h00 e pouco (para não inquietar mais a pobre criança!) lá começou a correria pela casa. Ouviram-se os guizos e foi a coisa mais querida de se ver! Lá andava ela, escada acima, escada abaixo, a correr de janela em janela em busca do trenó. Mas o Pai Natal foi super rápido e quando chegou à sala já as prendas estavam deixado da árvore. Ainda bem que deixei a porta aberta pois assim nem precisou de descer pela chaminé e nem se queimou na lareira ;-)

Este ano ainda conseguimos manter a magia, apesar das perguntas e das dúvidas crescentes... espero que se mantenha por mais um ano pois um Natal assim tem mesmo outro encanto 



Rafaela: Poncho feito à mão comprado na Nazaré / Vestido La Redoute / Camisa Metro Kids 

AngelLuzinha Fotografia
Trabalhos realizados no local selecionado pelo cliente ou em estúdio
Fotografo crianças, famílias, moda infantil, eventos e negócios (ateliers, lojas, artigos).
Ver portfólio, serviços, preços e contactos aqui

AngelLuzinha no facebook aqui

Um filme para lá de espetacular!

29.12.13 | Paula Veiga Claro
Onde é que se está bem com este frio?
No cinema, pois claro! Ontem fomos ver o Frozen (versão 2D) e só vos digo que a Disney provou, mais uma vez, que nada nem ninguém lhe chega aos calcanhares em matéria de animação. As personagens, a história, a imagem, as cores, o brilho, as músicas, os diálogos, tudo 5 estrelas!

E as manas Ana e Elsa? São duas princesas muito diferentes mas unidas por um amor genuíno. Fazem lembrar a Rapunzel na maneira de falar e olhar (até porque os autores são os mesmos) e são giras, giras, giras!

A Rafaela gostou mais da Elsa e eu da Ana mas ficámos ambas rendidas ao fofinho do Olaf, o simpático e desastrado Boneco de Neve que é a coisa mais querida! Tem um sentido de humor peculiar, passa a vida a desmanchar-se e a sonhar com os prazeres de um dia quente de verão. Felizmente tudo é possível no mundo da bonecada e até teve direito a uma nuvem só para ele para se manter fresco em pleno calor. Eu também quero uma nuvem assim mas ao contrário, ou seja, com sol e bom tempo para me iluminar neste inverno que não se aguenta... já estou com tantas saudades dos dias longos e amenos, estou mesmo!

Mas enquanto vemos a primavera por um canudo, o melhor é aproveitar as férias do Natal para fazer este programa em família. Vale mesmo a pena mas o melhor é comprarem os bilhetes com antecedência pela net (como eu fiz) para não esbarrarem com a palavra esgotado ao chegarem às bilheteiras (como me aconteceu várias vezes!).



AngelLuzinha no facebook aqui

Sem palavras...

29.12.13 | Paula Veiga Claro
Estou devastada, em choque, lavada em lágrimas...
Não sei o que dizer... no dia 1 de Fevereiro deste ano tive o prazer de fotografar e conhecer este casal maravilhoso... o casal que mais gostei de fotografar até hoje pelo amor e cumplicidade que transmitiam... e hoje, antes de jantar, soube que a morte ceifou a vida do António através de um trágico acidente. Já falei pessoalmente com a Mariana e não tenho palavras para tanto sofrimento. Com tantas pessoas em estado terminal, com tanta gente a sofrer e a implorar pelo fim, não consigo compreender como é que a vida termina desta forma para um homem de 28 anos cheio de sonhos, saúde, garra e alegria. Um jovem com tanto para viver e com um filho lindo para amar e ver crescer... não compreendo... revolta-me e faz-me por em causa muita coisa... odeio a morte, odeio esta sensação de que não somos nada neste mundo, odeio pensar que tudo pode acabar de um momento para o outro... nunca lidei bem com a morte, chamem-lhe fraqueza, imaturidade, mas é um assunto que me perturba completamente... e ainda por cima é a nossa única certeza...

Descansa em paz António e olha pela querida Mariana e pelo Manel lá de onde estás... 


Eu e a Rafaela no 4D

27.12.13 | Paula Veiga Claro
Há um mês a Sofia do 4D fez-me uma entrevista para a sua rubrica "Tal mãe, tal filha". Uma entrevista que me fez sorrir e recordar momentos maravilhosos enquanto escrevia as respostas e selecionava as fotos do baú onde guardo as pérolas de infância. Na minha ausência publicou-a mas só hoje é que dei por isso porque estive sem acesso à net nos últimos dias. Os meus agradecimentos chegam tarde (mas não falham!) porque eu nunca me esqueço de quem também nunca se esquece de mim ;-) Thanks Sofia!

Quem é esta loirinha com uma tremenda cara de reguila???? Alguém adivinha? Sou eu com 5 anos! Se quiserem ficar a saber mais, podem ler tudinho aqui


AngelLuzinha no facebook aqui

Estamos de volta e de coração cheio ♥

27.12.13 | Paula Veiga Claro
Nem sei muito bem por onde começar! Tanta coisa para contar e tanta foto para partilhar destes dias de festa pelo meu Alentejo. Um Alentejo que esteve gelado e envolto numa chuva forte e constante. Até o granizo deu o ar da sua graça num céu que parecia querer desabar!

Bem, e agora vou-me organizar, vou ver o que há de novo e volto já para registar tudinho aqui no meu querido blog que já se julgava abandonado. Já estava a morrer de vontade de passar por aqui! A escrita e a fotografia estão-me na alma... são mais fortes que eu... são uma necessidade fisiológica como qualquer outra!

Para começar, aqui fica esta foto tirada ontem no aniversário da Rafaela. Uma foto tirada pelo papá quando o Sr. S. Pedro fez a simpatia de nos brindar com umas abertas. Toca a ir para a rua para tirar as fotos outdoor que eu tanto gosto! Toca a aproveitar o Sol tímido de pouca dura!!! Toca de posar sem casacos, gorros e luvas mas apenas por uns escassos minutos porque o frio era mesmo de rachar! Tive tanto gosto em escolher o coordenado para a bicharoca mas vi jeitos de não lhe conseguir tirar umas fotos como deve ser pelos campos sem parecer um monte de roupa ambulante... estava um frio medonho, a sério!

Um dia de aniversário gelado mas marcado pelo calor da família e pela alegria contagiante da bicharoca fofinha que estava linda e feliz do alto dos seus 6 anos. My love, my light, my life ♥ 


Rafaela: Camisa Os Patinhos / Vestido Lanidor / Casaco em lã Benetton / Galochas compradas o ano passado numa loja em Portalegre (os sapatos de princesa nem chegaram a sair da mala! O frio e os montes de água e lama não permitiam grandes aventuras de estilo! Nem pensar!)


Bom Natal e até ao nosso regresso ♥

20.12.13 | Paula Veiga Claro
Dia 24: Noite de Natal
Dia 25: Dia de Natal
Dia 26: Aniversário da Rafaela

Vão ser dias festivos passados no frio do meu Alentejo e no calor da família e dos amigos mais chegados. Vou estar sem acesso à net por isso não estranhem a minha ausência. No terceiro dia já vou estar a trepar pelas paredes porque a net é o meu maior vício mas prometo regressar com muitas novidades e fotografias! Já sinto o nervoso miudinho e a emoção a apoderarem-se de mim! A bicharoca fofinha anda eufórica e eu vou pelo mesmo caminho ;-)

Aqui vai uma beijoka super natalícia para as leitoras mais queridas do mundo (as minhas!). Nem imaginam como são importantes na minha vida! São uma companhia diária! É tão bom saber que estão aí desse lado e partilham comigo estas emoções do universo materno e infantil. Um BOM NATAL e tudo de bom, é o que eu e a Rafaela vos desejamos do fundo do coração.

Até ao nosso regresso 


Foi desta! Já está!

20.12.13 | Paula Veiga Claro
Ora aqui vai um post bem fútil para desanuviar a cabeça deste stress natalício. Por aqui os dias têm sido passados entre fotografias, edições, blog, eventos e mil uma coisas para preparar antes de "embarcarmos" para o Alentejo onde vamos passar o Natal e o aniversário da bicharoca. Por lá faremos um lanche caseiro e super simples só para a família chegada. A grande festa, ou seja, aquela que reunirá família, amigos e colegas será apenas em janeiro. Tem sido sempre assim porque isto de fazer anos no dia 26 de dezembro não lembra a ninguém! Não é o dia perfeito para festas de aniversário, nem pensar!

Uma parte dos convites já foi entregue pessoalmente na segunda feira (antes do fim das aulas para conseguir apanhar os coleguinhas). A outra parte seguirá por mail na semana seguinte porque o tempo não dá para tudo e é completamente impossível entregar tudo em mão como eu gostaria. Tenho que deixar o meu perfeccionismo de lado, caso contrário, enlouqueço de vez e uma mãe doida não dá jeito nenhum. Os bolos (um para o lanche no Alentejo e o outro para a festa em janeiro) também já estão pensados e em boas mãos. As pirosas das Monsters High foram as eleitas. Agora as senhoras cake designers que dêem o seu melhor porque eu de bolos não percebo absolutamente nada e nem quero perder mais tempo com o assunto. O importante é terem as montras que a Rafaela escolheu.... e que fiquem lindos e saborosos como se pretende ;-)

A última coisa a fazer são as malas. Odeio fazer malas, não suporto. Já tenho tudo apontado na minha lista mas quando chega o dia fico sempre a pensar se não será melhor incluir mais isto e aquilo. E ali fico embasbacada diante do guara roupa a pensar "e se está muito frio? e se chove? não será melhor levar mais uma camisola? levo esta ou aquela? não terá frio com esta camisa?".... ohhh God! e acabo por encher a mala com muitas outras coisas, como se estivesse a preparar-me para uma guerra. E este ano, para agravar o stress, tudo indica que vamos ter um Natal frio e chuvoso simultaneamente. Já não estou habituada ao frio do Alentejo onde uma pessoa só está bem enfiada em cima da lareira/aquecimento. Com estas previsões vou ter que encher ainda mais o raio das malas! Não podem faltar as galochas, os pijamas polares, os gorros, as luvas, as camisolas interiores com pelo por dentro... ahh pois, lá porque é Natal não vamos andar a passar frio em prol dos looks natalícios fashionistas, nem pensar! Agora que me curei da carraspana não quero apanhar outra, no way!

Contudo, nesta altura do ano, gosto sempre de caprichar na manicure. Geralmente pinto sempre as unhas em casa porque não tenho muita paciência para perder tempo nos salões. O pior é que ultimamente já não posso ver os vernizes à frente dos olhos. É verdade que há marcas que duram mais que outras mas nenhuma sobrevive, mais do que uma semana, nas minhas mãos. As tarefas domésticas são implacáveis! A modos que, depois de ouvir vários conselhos e opiniões, optei por experimentar o célebre gelinho (verniz de gel). Atenção, não estou a falar de unhas de gel mas sim de verniz de gel. Neste momento muitas de vocês devem estar a pensar "Esta mulher é parva de todo! Parece que descobriu a pólvora!"... a verdade é que já andava a namorar a coisa há algum tempo mas tinha receio de experimentar porque pensei que danificasse as unhas e que não ficassem com um aspecto natural.

Mas no meio deste caos natalício pensei: "É desta! Não estou para pintar as unhas antes de ir para o Alentejo e passado três dias ter tudo lascado! Não vou andar com o estojo das unhas nem com os vernizes atrás!". Até porque, no que diz respeito a cores, sou de extremos, ou seja, adoro os tons pastel mas no inverno não prescindo do bordeaux (que basta um toque para lascar e ficar um horror).

Posto isto, aderi ontem ao verniz de gel e tudo indica que só daqui a três semanas é que vou voltar a preocupar-me com as unhas! Não porque o verniz lasque ou salte mas porque nessa altura já será bem visível a zona de crescimento da unha. Mas adorei o resultado! O brilho é fantástico e o aspecto é super natural (parece um verniz normal, não fiquei com as unhas grossas como temia!).

Daqui a três semanas falamos. Mas se isto durar e permanecer lindo e maravilhoso (como me garantiram) só posso dizer que o gelinho ganhará definitivamente mais uma fã. Escusado será dizer que a Rafaela adorou e também queria umas iguais! E primeiro que eu lhe conseguisse explicar que estas coisas não são para a idade dela?

Aqui estão as minhas "patinhas" so chic and pretty in red wine ;-)






AngelLuzinha Fotografia
Trabalhos realizados no local selecionado pelo cliente ou em estúdio
Fotografo crianças, famílias, moda infantil, eventos e negócios (ateliers, lojas, artigos).
Ver portfólio, serviços, preços e contactos aqui

AngelLuzinha no facebook aqui

Pág. 1/4