terça-feira, 21 de julho de 2015

Porque a casa é uma extensão de mim mesma...

Nesta altura do ano apetece-me meter mãos à obra e mudar quase tudo cá em casa. Assim tivesse orçamento para dar largas a todos os meus devaneios! Devaneios e inspirações, é o que dá passar o serão de volta desta revista! Fico a sonhar acordada e com vontade de mudar, trocar de lugar, reciclar, pintar e comprar alguns apontamentos para aqui e para ali. Não é preciso muita coisa, apenas o suficiente para se conseguir aquela lufada de ar fresco porque a minha casa é uma extensão de mim mesma. É o meu ninho, o meu canto, o meu espaço de trabalho e o meu refugio. Gosto de a mimar e de lhe dar alma.

Desta vez a prioridade foi para as plantas. Toca de ir à Ikea comprar vasos maiores porque as nossas "árvores" já se queixavam de falta de espaço. A primeira a mudar de aposentos foi esta que não pára de crescer. Momentos de jardinagem (indoor!) com direito a terra nova e tudo.



Mas a verdade é que uma pessoa se perde na Ikea e em época de saldos pior ainda! Atrás dos vasos veio esta toalha branca (mais uma porque nunca são demais!) e estes individuais amorosos que fazem lembrar os padrões da Green Gate e dão aquele toque de frescura às nossas mesas de verão. 



A família de passarinhos do Armazém das Caldas também pousa por aqui todos os dias. Foi das compras mais queridas que fiz nesta loja onde me perco quase todos os meses. Uma loja must visit com preços que são uma perdição! Quem não conhece pode ficar a saber tudinho no post que publiquei aqui.


Pequenos detalhes que nós mulheres tanto gostamos. Detalhes que fazem toda a diferença também para a Rafaela que faz questão de ir buscar os bichinhos antes de cada refeição (o pior é se um dia destes algum aterra no chão!).

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

3 comentários:

  1. O Armazém das Caldas é de facto uma perdição! Cheguei lá através do seu blog e confirmo tudo aquilo que escreveu. Na última visita trouxe uma família de andorinhas para o nosso terraço mas passam mais tempo nas mãos da minha filha do que penduradas! Também sou mãe de uma fada dos animais :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já andei a namorar as andorinhas mas as azuis acqua (as minhas preferidas) estavam esgotadas. Também ficam giras nas mesas... e nas mãos das fadas :-)))))))

      Eliminar
  2. Essas cores clarinhas agradam-me imenso.

    ResponderEliminar