terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Anti brrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

A Rafaela está uma crescida mas eu continuo a adorar coisas de bebé (calma!! não estou grávida, nem estou para aí virada!!) porque são absolutamente queridas, queridas, queridas. Por isso mesmo, aproveito as previsões da meteorologia para partilhar convosco estes sacos da Vertbaudet que dão sempre um jeitão. A Rafaela teve uma série deles porque dormir tapada não era com ela (ainda hoje, assim que se vira, leva metade da cama atrás e tem que dormir de pijama polar e meias até ao joelho porque aquele corpaço já não dá para estas coisas de bebé!).

A verdade é que quem inventou os belos dos sacos merecia um prémio Nobel! Assim escusamos de passar a noite a ver se estão tapados e sabemos que não correm o risco de ficar asfixiados nos lençóis! Sim, eu comecei a usar sacos a partir do dia em que a doida da Rafaela (que era uma bebé para lá de enérgica e agitada) se enfiou de tal forma debaixo dos lençóis ao ponto de me pregar um dos maiores sustos da minha vida! Não faço ideia como é que a piolha fez tal coisa, até porque tinha apenas dois ou três meses e dormia com uma almofada aos pés da cama/berço que lhe servia de travão para não escorregar para o fundo. Só sei que, como mãe de primeira viagem, fiquei com o coração nas mãos e a partir desse dia acabaram-se os lençóis (e os sustos!) porque passou a dormir num saco.

E quando começam a ganhar maior mobilidade? Nessa fase o ideal é optar pelos modelos com pernas para lhes facilitar os movimentos. Há mais aqui

Mas os dias frios não são sinónimo de clausura! A Rafaela nasceu em dezembro e sempre foi comigo para todo o lado porque eu tinha que fazer a minha vida e nunca tive familiares por perto ou alguém de confiança para me ajudar (aos 5 meses, quando terminou a licença de maternidade, é que foi para a creche). Para além disso, todas nós sabemos como é bom sair e espairecer porque os primeiros meses são muito duros e passar o dia em casa não é de todo a melhor opção para a nossa sanidade mental! Para esses momentos, temos os sacos de inverno que os protegem do frio enquanto passeiam no carrinho e contemplam a natureza (sim, porque eles adoram descobrir o mundo!).

A Tuc Tuc tem uma série de opções que vão do estilo étnico, às cores suaves, passando também pelos tons e padrões mais coloridos. Podem ver mais aqui



Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook


Sem comentários:

Enviar um comentário